segunda-feira, junho 24, 2024
25.8 C
Portel

Na vitória do Santos sobre o Remo, brilho de Enzo e briga de torcida

Thiago domina a bola para o Santos. Lateral acabaria falhando no gol do RemoFoto: Divulgação Santos

Santos e Remo estrearam na Copinha-2024 nesta quinta-feira (4/1). O jogo foi no Distrital Inamar, em Diadema, pelo Grupo 26. No primeiro tempo, o Santos perdeu várias chances, mas não marcou. Na etapa final a bola entrou para os dois lados. O Remo saiu na frente com Matheus Grecco, mas o Peixe virou com dois gols de Enzo. E quase ampliou: Miguelito perdeu pênalti. Na preliminar, o Água Santa meteu 4 a 0 no Nova Venécia e, assim, encerra a primeira rodada na liderança, pelo saldo.

Veja aqui todos os grupos da Copinha São Paulo

 

Contudo, um ato lamentável também marcou o jogo. A violência de alguns torcedores durante o intervalo. Arruaceiros de Remo e Santos começaram uma briga e a polícia chegou para intervir. Pórém, a torcida do Santos quebrou um dos vidros que separam o público do gramado, o que aumentou a tensão com os policiais. Além disso, rolou também entrevero entre membros da própria organizada santista. Já os remistas foram colocados em outro espaço para evitar novos confontos. Isso atrasou o início do segundo tempo em cinco minutos.

Santos perde gols em sequência

Só deu Santos no primeiro tempo, realizado debaixo de forte chuva. O time do Remo tratou de se fechar na defesa com dez jogadores e um ou outro contra-ataque. O Peixe, todo em cima, cansou de perder gols. Miguelito, disparado o melhor em campo, deu três finalizações perigosas e uma bola na trave. Gabriel, escorando um cruzamento da direita na pequena área, obrigou o goleiro João Victor a fazer grande defesa.

Remo marca, mas o Peixe vira

No segundo tempo, nada mudou. Santos na pressão e quase marcando com Hyan: mais uma vez João Victor fez óitima defesa. Aí valeu a máxima de quem não faz, leva. Aos 17, num lance aparentemente sob controle, o lateral-direito Thiago dominou mal e escorregou. Matheus Grecco roubou a bola entrou na área e fez Remo 1 a 0.

Contudo o Santos arrancou o empate aos 25, quando Luca Meireles avançou pela ditreita e cruzou para Enzo cabecear e deixar tudo igual. Aos 34, o santista João Vicot (homônimo do goleiro do Remo) ganhou a bola na pómta diteita e cruizou para a cabeçada de Enzo. Enfim,o Santos passou a se impor; Aos 38, o santista João Victor foi derrubado na área pelo seu xará remista. Miguelito cobrou, mas o goleiro defendeu.

A segunda rodada do Grupo 26 será no domingo: Água Santa x Remo (15h) e Nova Venécia x Santos (17h15)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Fonte: Últimas notícias sobre futebol, automobilismo, vôlei, basquete, tênis, esportes olímpicos e mais 

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas notícias

Acessibilidade