segunda-feira, junho 24, 2024
25.8 C
Portel

Sob vaias, Botafogo vence Madureira no Campeonato Carioca

O Botafogo não empolgou, ouviu vaias, mas venceu o Madureira por 1 a 0, nesta quarta-feira (17), em sua estreia no Campeonato Carioca, graças a um inspirado Jeffinho, que retornou ao clube com um gol, um chute na trave e muita velocidade e movimentação no Nilton Santos.
Emprestado. Jeffinho, que havia sido comprado pelo Lyon, foi emprestado pelo clube francês ao Botafogo até o fim de 2024.Conteúdo Relacionado:Às vésperas do Carioca, Vasco segue pré-temporada no UruguaiO clube alvinegro volta a campo neste sábado (20), contra o Bangu, às 16h, novamente no Nilton Santos. Já o Madureira recebe o Audax, no mesmo dia, em Conselheiro Galvão (RJ).VAIASAlguns jogadores do Botafogo ouviram vaias dos torcedores no Nilton Santos, principalmente o volante Marlon Freitas. Tiquinho Soares e Marçal também receberam críticas.O goleiro Gatito Fernández retornou ao time titular após a saída de Lucas Perri para o Lyon, da França. A última vez que Gatito havia atuado foi no dia 16 de setembro de 2023, contra o Atlético-MG, pelo Campeonato Brasileiro. Ele teve uma boa atuação e fez boas defesas, sendo uma incrível em sequência no segundo tempo.O jogo foi marcado por homenagens a Zagallo. O Botafogo atuou com um patch na camisa em alusão à lenda e o time entrou em campo com uma faixa com a frase: “Zagallo E13rno”.O JOGOO Botafogo começou a partida tomando a iniciativa e se valendo de um inspirado Jeffinho, que pareceu mostrar que quer abraçar a nova oportunidade no clube e, antes de fazer o gol, já havia chutado uma bola na trave. Eduardo organizava as jogadas e tentava explorar as laterais. O Madureira, porém, também assustou e levou perigo em dois chutes de fora da área bem defendidos por Gatito.Na etapa final, o Alvinegro demonstrou pouca inspiração e irritou o torcedor, que já vem impaciente do ano passado, após ver o time deixar escapar o título brasileiro pelas mãos. O Tricolor Suburbano chegou a chutar uma bola no travessão e viu Gatito fazer milagre para evitar o empate. Alguns jogadores botafoguenses foram vaiados, como Marlon Freitas, Marçal e Tiquinho Soares. 
FICHA TÉCNICA:Estádio: Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de JesusAuxiliares: Michael Correia e Lilian da Silva Fernandes BrunoCartões amarelos: Alexander Barboza, Lucas Halter, Tchê Tchê, Newton (BOT); Arthur (MAD)Cartões vermelhos: NenhumGols: Jeffinho, aos 38min do 1º tempo (BOT)BOTAFOGOGatito Fernández; Lucas Halter, Danilo Barbosa e Alexander Barboza; Tchê Tchê, Marlon Freitas (Newton), Eduardo e Hugo (Marçal); Jeffinho (Segovinha), Victor Sá (Júnior Santos) e Tiquinho Soares (Janderson). T.: Tiago NunesMADUREIRAMota; Almir Sóta, Marcão, Arthur (Fábio Matos) e Evandro; Matheus Lira, Arthur Santos, Patrick Vieira (Rodrigão) e Pablo Pardal (Wagninho); Arthur Martins (Antônio Carlos) e Hugo Borges (Vinícius Bala). T.: Daniel Neri

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas notícias

Acessibilidade