sexta-feira, junho 14, 2024
26.4 C
Portel

Primeiro bebê do Pará em 2024 é de Garrafão do Norte

O primeiro bebê a nascer de parto normal na maternidade da Santa Casa do Pará em 2024 é um menino, Anthonny Gael dos Reis, que chegou com 37 semanas e um dia, saudável e pesando 3.264 quilos e com 51 centímetros de comprimento. A mãe, Maria Cidiane dos Reis, é natural do município de Garrafão do Norte, no nordeste paraense, e chegou à Santa Casa no início da madrugada de 1º de janeiro.Para quem pensava que Gael chegaria só no dia 13 de janeiro, o presente de Ano Novo foi uma feliz surpresa. “Foi tudo muito rápido. Minha família estava toda reunida na casa da minha mãe quando comecei a sentir que algo estava acontecendo. Mas como ainda não sentia dor, não pensei que já estava em trabalho de parto. Só que perdi líquido, e fomos para Ipixuna (Ipixuna do Pará), e de lá fomos transferidas para a Santa Casa”, contou Cidiane, que aos 20 anos desfruta a felicidade de aconchegar seu primeiro filho.A avó, Antônia da Silva, acompanhou o nascimento, que aconteceu naturalmente as 3h42, em um ambiente humanizado. “Eu fiquei com medo de não conseguir acompanhar, mas deu tudo certo. A minha filha foi muito bem atendida. O parto foi tranquilo, e o meu netinho também nasceu com saúde e já está recebendo todos os cuidados. Já fez o teste do pezinho e a enfermeira veio chamar para tomar vacina”, disse Antônia da Silva.CONTEÚDOS RELACIONADOSMotociclista erra empinada e sofre acidente fatal no BenguíTerremoto de 7,6 atinge a região central do JapãoO parto tranquilo de Cidiane se deve ao pré-natal feito corretamente. Mesmo morando na Vila de Trapiche, localidade de difícil acesso na zona rural de Garrafão do Norte, ela fez oito consultas durante a gestação. Além disso, Cidiane contou na hora do parto com uma equipe multiprofissional e humanizada, que estava de prontidão no final do ano na maternidade da Santa Casa, referência na rede pública de saúde.“A assistência dada a Cidiane foi toda dentro dos protocolos institucionais da Santa Casa. Ela passou pela triagem obstétrica e depois foi encaminhada ao PPP, setor onde temos uma rotina de assistência ao parto normal, dentro do protocolo de parto humanizado. Ela recebeu o atendimento de uma equipe multiprofissional, que a acompanhou com exercícios, banho quente, bola suíça, massagem de conforto até o nascimento do bebê, que nasceu bem, chorando, bem vigoroso, em bom estado geral. Também seguindo os protocolos de atendimento humanizado com o bebê, o cordão foi cortado no momento certo, o bebê teve o contato pele a pele com a mãe e mamou na primeira hora”, detalhou Leonardo Costa, enfermeiro responsável técnico pelo alojamento conjunto da maternidade.Quer saber mais notícias do Pará? Acesse nosso canal no WhatsApp.Atualmente, a maternidade da Santa Casa realiza por mês, em média, 700 partos de pacientes encaminhadas de municípios da Região Metropolitana de Belém e do interior do Estado.

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas notícias

Acessibilidade