sábado, maio 25, 2024
23.2 C
Portel

Cametá e Clube do Remo empatam no jogo da semifinal

O equilíbrio marcou o primeiro confronto entre Cametá X Remo pela semifinal do Campeonato Paraense de 2023 e o resultado aumenta a tensão para o jogo de volta.
Em campo, Mapará e Leão empataram em 1 a 1, nesta sexta-feira (21), em jogo realizado no Parque do Bacurau, em Cametá, que recebeu um grande número de torcedores.
Calor forte no gramado e na área do Remo logo aos cinco minutos, quando a bola vem do lado esquerdo e o atacante Pilar cabeceou e acertou a trave, mas o time da casa levou um susto pelo alto na cabeçada de Paulinho Curuá, que Pedrão teve dificuldades para defender.
Depois disso, o jogo esfriou e o clima ficou quente somente aos 44 minutos, quando em contra-ataque remista, Pedro Vitor recebe dentro da área e chuta na rede pelo lado de fora.
O segundo tempo começou com susto dos visitantes: Pedro Vitor cruza e a bola quase engana o goleiro Pedro, que por pouco não viu a bola parar dentro do gol do Mapará.
Se Pedro não tomou gol, já Vinicius foi vazado aos 12 minutos: em cruzamento da esquerda, o goleiro espalmou e Alexandre Santana usou a cabeça para abrir o placar e explodir o Parque do Bacurau. Cametá 1X0.
O Remo poderia ter empatado logo em seguida, quando Marcão usou a mão dentro da área e o árbitro anotou pênalti, mas o goleiro Pedro acabou defendendo a cobrança de Ícaro.
O torcedor do Cametá prendeu a respiração duas vezes. A primeira quando Diego Tavares cabeceou e a bola parou na trave. Logo depois, a trave salvou os donos da casa de novo, agora na finalização de Jean Silva, que ganhou do zagueiro e chutou no poste.
Se não deu de perto, o jeito foi de longe e deu certo: Raí acertou um lindo chute de fora da área e deixou Pedro plantado sem reação. É gol do Remo. 1 a 1, aos 40 minutos.
As duas equipes voltam a se enfrentar no domingo (30), no estádio Baenão, em Belém. Antes disso, o Leão volta as suas atenções para a Copa do Brasil, para a partida diante do Corinthians-SP, na quarta-feira (26).
FICHA TÉCNICA
CAMETÁ: Pedro; Osvaldir, Marcão, Taison e Rayro; George, Ryan e Alexandre (Guilherme); Pet (Cristian), Pilar e Leo Pará (Wendel)
Técnico: Rogerinho Gameleira
REMO: Vinicius; Lucas Mendes, Ícaro, Diego Ivo e Raí; Anderson Uchoa, Paulinho Curuá e Jean Silva (Ronald); Pedro Vitor (Rodriguinho), Muriqui (Diego Tavares) e Fabinho (Kanu)
Técnico: Marcelo Cabo
ÁRBITRO: Marco José Soares de Almeida
ASSISTENTES: Márcio Gleidson Correa Dias e Hélcio Araújo Neves
CARTÕES AMARELOS: Osvaldir, Leo Pará e Marcão (CSC); Uchoa (REM)
LOCAL: Parque do Bacurau / Cametá (PA)
E MAIS 

|

Texto Auxiliar: Alinhamento Texto Auxiliar: Link Externo: Alinhar à esquerda: Alinhar à direita: Alinhar ao centro: Fullscreen: Fullscreen Exit: Conteúdo Sensível:

  

|

Texto Auxiliar: Alinhamento Texto Auxiliar: Link Externo: Alinhar à esquerda: Alinhar à direita: Alinhar ao centro: Fullscreen: Fullscreen Exit: Conteúdo Sensível:

 

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas notícias

Acessibilidade