quarta-feira, maio 29, 2024
26.3 C
Portel

Governo do PA anuncia nova Usina da Paz em Bragança

Neste sábado (13), o governador Helder Barbalho realizou assinatura da ordem de serviço para a construção da Usina da Paz, em Bragança, na região de integração do Rio Caeté. Esta será a 12ª UsiPaz no Estado, um grande e moderno complexo comunitário que já se destaca no Brasil como modelo de política pública social e cidadania.
“Esse é um dia importante, é o início das obras da Usina da Paz, em Bragança. Esse que é o programa mais extraordinário de inclusão, cidadania, de oportunidades. Hoje as obras iniciam e, a partir de agora, o município receberá essa conquista”, informou o governador Helder Barbalho.
Durante o evento, foram entregues 30 coletes balísticos para o Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) e 8 rádios para a Guarda Municipal, 2 ambulâncias, 1 microônibus e 1 carro para o município, assim como entregas de benefícios educacionais, do CredCidadão e o “Sua Casa”, programa da Companhia de Habitação do Pará (Cohab).
Ainda durante o discurso, o governador anunciou diversos investimentos em parceria com o município para a região. “Devemos iniciar as obras da estrada que liga a BR-308 à BR-316, a estrada do Montenegro, que é um sonho antigo desta região, um investimento importante do Governo do Estado. Devemos também entregar, junto a prefeitura e no aniversário da cidade, a Policlínica de Bragança além dos benefícios entregues hoje, portanto um conjunto de ações que chegam para reforçar cada vez mais a parceria com o município de Bragança com o governo do Pará, em favor da nossa população”, concluiu.
Estiveram presentes a vice-governadora do Estado, Hana Ghassan, o prefeito de Bragança Raimundo Nonato de Oliveira “Raimundão”, o secretário de articulação da cidadania, Igor Normando e demais autoridades estaduais e municipais. 
Oportunidades – Em breve, os moradores da pérola do Caeté vão poder usufruir das instalações de dois prédios principais que irão ofertar diversos cursos, oficinas e atendimento público, teatro, complexo poliesportivo, quadra de areia, piscina semiolímpica, playground, área de viveiro, compostagem e horta, academia ao ar livre e estacionamento.
A pescadora Roseane Lisboa, mora em uma vila, próximo a Bragança, trabalha catando caranguejo e disse que a região precisa dos serviços da Usina da Paz. “Achei muito bom, Bragança precisa desse projeto, principalmente para os jovens que as vezes ficam ociosos, sem fazer nada”, pontuou.
Para a moradora Antonia Leideleia, de 50 anos, a UsiPaz marca um novo momento para Bragança. “Moro num bairro vizinho aqui de onde será a usina, as vezes precisamos ir para outro lugar tirar tirar documentos ou fazer uma consulta, então vai facilitar muito a nossa vida.
O guarda municipal Franciel Coelho, de 41 anos, estava com o filho, Miguel Coelho, de 7 anos, e ficou animado ao saber dos serviços que serão ofertados. “É muito importante ter esses espaços aqui na nossa região, principalmente para as crianças, vou querer colocar o meu filho com certeza, ele quer fazer natação”, afirmou o guarda.
“Estamos orgulhosos de trazer as obras da Usina da Paz para Bragança, fruto do compromisso do governo estadual. Serão mais de 70 serviços intersetoriais disponibilizados pelas secretarias estaduais e órgãos parceiros, abrangendo desde atendimento médico, odontológico e psicológico até consultoria jurídica, emissão de documentos, treinamento de lideranças, atividades esportivas e cursos profissionalizantes. Essa iniciativa é um investimento valioso na qualidade de vida da nossa comunidade, e o melhor de tudo é que todos esses serviços serão oferecidos de forma gratuita, garantindo o acesso igualitário a todos os cidadãos”, informou Igor Normando, o titular da Secretaria Estratégica de Articulação da Cidadania (Seac), órgão responsável por coordenar o projeto.
Parceria – As obras serão executadas pela empresa Vale, em um terreno localizado na Avenida Juscelino Kubitschek, S/N, Vila Sinhá. As etapas de topografia e sondagem do terreno já iniciaram.
Atualmente, estão em funcionamento nove complexos no Estado, a UsiPaz Amintas Pinheiro, localizada no bairro Icuí-Guajará, em Ananindeua; a UsiPaz Cabanagem, em Belém; a UsiPaz Antônia Corrêa, no bairro Nova União, em Marituba; a UsiPaz Padre Bruno Sechi, instalada no bairro  Benguí, também em Belém; as UsiPaz Parauapebas e Canaã dos Carajás, no sudeste do Estado, desde maio e junho, respectivamente; e UsiPaz Jurunas/Condor; a UsiPaz Terra Firme; e a mais recente a UsiPaz Guamá, também na capital do Estado.Estão em obra, as UsiPaz de Altamira e Marabá.
Frank Pinheiro, comerciante, de 42 anos, estava com a esposa Michele Farias que juntos trabalham com o projeto AmePet na cidade. Eles estão ansiosos para a chegada da UsiPaz. “O governo está de parabéns com o apoio desses serviços, para quem precisava de um curso, dr uma atividade física. É transformador para nossas vidas, esse terreno não tinha funcionalidade pra gente, agora vai realizar os sonhos dos bragantinos”, finalizou.
Saiba mais – As Usinas da Paz são grandes complexos comunitários, com área construída de aproximadamente 5000 m2, que contemplam prédios específicos para diversas atividades, como: teatro, quadra poliesportiva, dojo de artes marciais, um prédio de assistência, destinado à prestação de serviços do Estado à população (emissão de documentos, consultas médicas, etc..) e um prédio chamado Usina, destinado a atividades de qualificação profissional e educação.

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas notícias

Acessibilidade